Governo federal vai trocar software livre por soluções da Microsoft

O Sistema de Administração dos Recursos de Tecnologia da Informação (SISP) – órgão que cuida de boa parte da área de TI do governo federal brasileiro – anunciou recentemente que vai deixar de usar software livre para adquirir soluções da Microsoft.

O anúncio significa que o governo vai trocar programas de código aberto, muitos desenvolvidos no Brasil, para usar programas prontos oferecidos pela empresa norte-americana. Entre as soluções contratadas estão o Office, Windows Professional, Windows Server e Client Access License.

Os órgãos administrados pelo SISP que usam software livre atualmente devem apresentar um pedido formal para adquirir os novos programas até o dia 11 de novembro. Acontece, porém, que soluções proprietárias já são usadas por órgãos públicos há muito tempo, contrariando a preferência por software livre.

Em 2012, por exemplo, a Caixa Econômica Federal comprou licenças do Office para usar em muitos dos seus terminais. A ideia de dar preferência ao código aberto era, a princípio, uma maneira de fomentar o desenvolvimento de software no Brasil, além de gerar uma economia estimada em R$ 500 milhões até 2010 (os números não vinham sendo atualizados desde então).

O que muda, na prática, portanto, é que o governo vai gastar mais usando software da Microsoft, mas, por outro lado, terá aplicações mais completas e apoio técnico especializado – algo que programas de código aberto não podem oferecer.

O ERP é indispensável para pequena empresa

O ERP é indispensável para pequena empresa. Muitas vezes o software é substituído por anotações em cadernos e planilhas do Excel. Será que isso é o melhor para a empresa?

Os sistemas ERPs são muito conhecidos e usados em todo o tipo de empresa. Isso porque trata-se de uma ferramenta de utilidade global para toda a organização. Facilita processos diários e até mesmo os grandes processos do fim do mês, como checagem de estoque, pagamentos e cobranças para fornecedores e clientes, e ainda por cima pode dar conta de suavizar o trabalho na hora de obrigações fiscais complexas como o IR. Leia mais

Como melhorar a gestão em tempos de crise

Como melhorar a gestão em tempos de crise. Gerir uma empresa não é uma tarefa simples e, em tempos de crise, o desafio parece maior. Para manter sua empresa sólida no mercado é preciso ter confiança no negócio e investir na qualificação dos processos de gestão. Descomplicar e agilizar são as palavras de ordem neste momento. Confira 5 dicas para melhorar a gestão em tempos de crise. Leia mais

Erros que podem destruir o sonho empreendedor

Erros que podem destruir o sonho empreendedor. Aprenda a proteger seus sonhos de alguns fantasmas que rondam as casas daqueles que perderam a autoconfiança e a fé nas próprias qualificações.

Empreender é ter a oportunidade de gerar produtos e serviços criados com as próprias forças, ou seja, é poder dar um traço pessoal no grande rascunho universal dos negócios.

Infelizmente, a maioria dos profissionais se lançam no mercado com uma postura muito conservadora, hesitante e estática. Com absoluta certeza, essas criaturas desconhecem a essência do empreendedorismo e tudo aquilo que ela é capaz de lhes proporcionar. Leia mais

Utilizando WhatsApp para conquistar clientes e gerar vendas

Utilizando WhatsApp no relacionamento com cliente, conquistando clientes e gerando vendas. O WhatsApp é o aplicativo mobile mais utilizado pelos brasileiros, segundo pesquisa da Conecta. Milhares de negócios já utilizam o WhatsApp para gerar vendas, mas será que estão explorando o verdadeiro potencial do app?
O WhatsApp é o aplicativo mobile mais utilizado pelos brasileiros, segundo pesquisa da Conecta. Milhares de negócios já utilizam o WhatsApp para gerar vendas, mas será que estão explorando o verdadeiro potencial do app? Leia mais